quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Magalabares - Marisa Monte e Carlinhos Brown - Aprendendo a Ler

Ele compôs, mas não seria fantástica
 se não fosse na voz de Marisa. 
Magamalabares

Acqua Marã

Um barquinho oxaiê
Quem esteve aqui
Viu barquinho de gazeta
Ancorar no mistério

Notas musicais
Dentre bolas de sabão
que de nossas serenatas vieram

Flores que ofertamos
e que nunca morrerão
em vasos e jarros se bronzeiam
Os anjos de onde vem
sua vida
bem-vinda
a trilha
Os livros não são sinceros
Quem tem Deus como império
No mundo não está sozinho
Ouvindo sininhos

Composição : Carlinhos Brown


Análise da canção



Essa canção inicia o processo de utilizarmos a música para desenvolver nossa habilidade interpretativa. Começamos então por entender que Magalabares é um texto poético e que por isso trabalha as palavras utilizando o sentido conotativo. Assim “um barco ancora no mistério” e “flores se bronzeiam”.
Você consegue ver mais imagens assim?

R. “Notas musicais dentre bolas de sabão”

Outra questão interessante é o casamento entre a mensagem da música e o ritmo dela. As notas são produzidas como uma canção de ninar e as mensagens dela também tem esse sentido acolhedor.
IMPORTANTE: Algumas pessoas quando estão fazendo a leitura de um texto apegam-se a uma palavra e, por não entendê-la não conseguem apreender a  totalidade do texto. Muita gente fica preocupado com os trechos “barquinho oxaiê e barquinho de gazeta e não alcançam o todo da música.
A propósito do que fala a canção?
Você percebe que ele é construída com o uso do sentido visual. A gente ouve, mas também somos convidados a ouvir. Quais imagens podem provar isso?
R. Viu um barquinho, o bronzeado das  flores

Há também além da construção de imagens uma preocupação com propor algumas máximas-verdades como “os livros não são sinceros” e “ quem tem Deus como   império no mundo não está sozinho” Por sinal esse é meu trecho predileto.

Vamos continuar ouvindo e, com o tempo, estaremos treinados para apreciar a boa música e porque ouvimos e lemos coisas produzidas com arte passaremos a entendê-las melhor.
 Elas não são difíceis, apenas não estão ainda disponíveis para nosso olhos.
Lembre-se a arte nos ensina a ver, ouvir, falar.....

Desafio: Dá ou não dá para pintar um quadro  inspirado nessa música? 

Mas vamos lá:
Acqua Marã  - água que resolve ( Marã palavra indígena – ato ou efeito de resolver)
Um barquinho oxaiê -  a
Quem esteve aqui
Viu barquinho de gazeta
Ancorar no mistério
Um barquinho estava na água que resolve e quem esteve aqui viu esse barquinho sem compromisso ancorar no mistério.

Mas não tem graça né?  A beleza está na forma como ele diz e não no que ele diz. Isso é poesia. 


Um comentário:

Anderson Alves disse...

primeiro comentário sobre essa música, que o próprio Carlinhos Brown já disse que era uma canção para a filha dele que havia acabado de nascer, que simplesmente não esculacha por não entender alguns termos.
A letra e a música funcionam como canção de ninar :-D