sexta-feira, 18 de abril de 2014

O significado da Páscoa - PESSACH

Neste final de semana comoraremos a Páscoa, mas o que ela realmente significa? Qual é o seu sentido? Onde nasceu essa festa?
É costume que datas especiais percam seu sentido original no mundo capitalista onde tudo é motivo de consumo. Por isso, nós cristãos não podemos nos esquecer de que os ovos de páscoa que ocupam todos os supermercados, não são o símbolo máximo do que devemos mesmo comemorar. Sobretudo porque essa comemoração foi ordenada por Deus:

“Conserveis a memória daquele dia, celebrando-o como uma festa em honra a Adonai: fareis isto de geração em geração, pois é instituição perpétua”. Ex.12:14

Os festejos nasceram para comorar a passagem (Pessach - páscoa) do povo de Israel da condição de escravo para liberto. Foram os primeiros passos para alcançar a terra prometida. Uma prova de que Deus não os abandonou.
 Comemoremos. É Páscoa!!!!

Lembrar-se disso é saber que existe um Deus que cuida do seu povo. A festa é perpetuada e ampliada porque marca também – já na Era Moderna Cristã, a Ressurreição de Cristo – não mais é preciso um profeta, Deus nos deu um cordeiro que foi morto, mas ressuscitado.


Por isso, no dia 18 não se esqueça de comer pão e vinho (pode ser suco de uva) para lembrar-se da dor daquele que se fez carne por nós amar. Coma ovos de páscoa, mas lembre-se que o verdadeiro símbolo é a Cruz de Cristo. E, de presente, compre uma vela - símbolo muito mais importante do que os ovos. Ela é a prova de que “Cristo é a luz dos povos” e os nomes Alfa e Ômega devem ser gravados nela são para que você não se esqueça que “ Deus é o Princípio e o fim de Tudo.”

Feliz Páscoa!

Equipe Eu Quero Passar

2 comentários:

Juliana Pinheiro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Juliana Pinheiro disse...

sou sua fã Mara!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! beijooo e me ajuda a ir pra frente!